• Just Intercambios Site

Irlanda por Neila Chammas

Saudações Irlandesas!


Começando a semana de forma ótima com essa super notícia: hoje, dia 20 de setembro, a Irlanda reabriu as fronteiras para estudantes brasileiros para cursos de inglês!!


De acordo com informações oficiais, haverão três fases de reabertura das escolas de inglês na Irlanda para novos alunos estrangeiros:




A partir de 20 de setembro De acordo com o roteiro de reabertura do governo, as escolas vão notificar as autoridades irlandesas que estão preparadas para receber os estudantes internacionais. E entre 20 de setembro a 31 de outubro, as aulas presenciais, híbridas (online + presencial) ou totalmente online para os alunos já presentes na Irlanda e quaisquer alunos recém-matriculados do Brasil iniciarão.

A partir de 1º de novembro As escolas terão permissão para realizar apenas aulas presenciais, seguindo os requisitos de frequência (attendance) terão que lidar com questões específicas relacionadas à Covid-19 devem ser implementadas em todo o setor.

Os brasileiros continuarão com a permissão de entrada no país, sem a necessidade do pré-visto. Apenas embarcar com os documentos obrigatórios:

  • Passagem de volta para o Brasil;

  • Seguro saúde;

  • Endereço na Irlanda ou carta convite de alguem que o aluno vai ficar hospedado na casa;

  • Passaporte com validade mínima de seis meses;

  • Carta de matrícula da escola (Letter of Acceptance), comprovando que você pagou tudo certinho para estudar na Irlanda;

  • 3.000 euros, comprovados em dinheiro ou em extrato bancário.


E para comemorar esse grande passo depois de tanto tempo de pandemia, vim com um texto sobre esse destino incrível que é a Irlanda.


Primeiramente deixa eu me apresentar, sou a Neila Chammas, diretora geral da Just e apaixonada por educação internacional. Em 2020 estive na Irlanda pela 3ª vez a trabalho, para entender mais sobre o sistema de Ensino Superior. Mas diferentemente das minhas outras idas ao país a trabalho - onde visito parceiros, cidades, converso com alunos e etc – o que continuou chamando a minha atenção, foram as pessoas.



Apesar da Irlanda ser 121x menor que o Brasil, considero lá um país gigantesco a nível de diversidade e alegria. Um povo hospitaleiro, alegre e disposto a ajudar, onde nem o frio que faz, é capaz de congelar seus corações ou tirar-lhes o sorriso do rosto. Hoje decidi escrever esse texto para mostrar uma Irlanda que vai além do que as pessoas ouvem falar, além do U2 ou de seus excelentes pubs; quero escrever sobre uma Irlanda que tem inúmeros motivos para ser o país do SEU intercâmbio!



CULTURA MILENAR

Castelos, monumentos, museus, igrejas, bibliotecas e uma série de outros pontos espalhados pelo território, que carregam uma gigantesca bagagem cultural que pode (e deve) ser explorada, rs.


BELEZAS NATURAIS

Você quer natureza? Lugares cinematográficos? A Irlanda é riquíssima a nível de belezas naturais, e posso garantir, o país deixa a todos que o conhecem boquiabertos. Um dos lugares que mais marcou, foi conhecer de perto o Phoenix Park em Dublin e o Cliffs of Moher, dois pontos incríveis que fazem o maior sucesso por lá, sendo o Phoenix Park o maior parque urbano da Europa, e o Cliffs of Morrer uma espécie de muralha beira mar que em alguns pontos, chega a atingir 214 metros de altura, num cenário de tirar o fôlego.




FACILIDADE DE VIAGENS

Por sua proximidade com outras regiões, estar na Irlanda pode lhe render excelentes viagens a outros países nos finais de semana. Você poderá conhecer muitos destinos Europeus, pagando valores que a primeira vista, pareceriam surreais. Já pensou pagar 20 euros para ir e voltar para outro país? Demais não é?


SEGURANÇA

País de primeiro mundo já nos deixa mais tranquilos - só pela sua classificação - mas muito maior do que os índices, é o sentimento de segurança de se passear pelas cidades da Irlanda. Parece bobo, mas lá você se sente confortável em passear pelas ruas, fazer amigos, se comunicar com nativos e conhecer pontos que a primeira vista, por serem mais remotos, não pareceriam tão seguros – mas são, rs.


CRESCIMENTO ECONÔMICO

Viver na Irlanda, possibilita ao estudante brasileiro matriculado em cursos com período superior a 6 meses, se estabelecer no mercado de trabalho do país. São tantas oportunidades, que dificilmente você vai para lá e encontra algum brasileiro que não ascendeu economicamente – afinal, o país com o maior crescimento econômico da Europa, não poderia proporcionar algo diferente a quem se estabelece por lá.




BOM CUSTO X BENEFÍCIO

Além de tudo de bom que listamos, a Irlanda é um dos melhores custo benefício se comparado a outros países da Europa. Você pode estudar em excelentes instituições de ensino, tendo um investimento total muito menor do que teria em outras regiões.


NOITES BADALADAS

Para os apaixonados pela vida noturna, a Irlanda é um país rico quando o assunto é pubs, bares, música boa e “roles” regados a boa cerveja – aliás, se você gosta de cerveja, não pode deixar de experimentar o orgulho nacional, a GUINNESS.


MAS NEM TUDO SÃO ROSAS...

Como a maioria das coisas da vida, nem tudo lá é 100% maravilhoso, logo, eu não poderia deixar de apresentar os 3 aspectos negativos que notei por lá.


1 – Não existem voos diretos. Então, se você for sair do Brasil em direção a Irlanda, terá que passar por alguma escala;

2 – Clima... É um país frio e de céu acinzentado. Ou seja, na maioria dos dias do ano o céu estará nublado e você precisará de casacos;

3 – Acomodação escassa... Está cada vez mais difícil encontrar acomodação no país. Então o ideal é que você se planeje com antecedência para poder garantir um lugarzinho confortável.


Gostou de tudo que apresentei? Se quiser saber mais sobre a Irlanda, tenho certeza que minha equipe estará disponível para conversar com você sobre esse destino incrível e as possibilidades que você tem por lá.


Para falar com um especialista Just, CLIQUE AQUI.


5 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

blog